terça-feira, 21 de dezembro de 2010

a vida é feita de escolhas

quando se trata de optar por um destino para a viagem de finalistas, geralmente há uma viagem já escolhida pela associação de estudantes. mas este ano é diferente. como uma das listas derrotadas decidiu que não punha os pés no destino escolhido pela associação nem que o mais bonito milagre acontecesse, vai daí e decidem fazer propaganda a outra viagem. primeiro, fiquei indecisa, mas nem dei muita importância à coisa (não é que agora dê). mas, com o passar do tempo, eis que comecei a pensar que estava mais que na hora de decidir para onde ia. e a situação apresentou-se assim na minha cabeça: pois bem, o hotel X


 é lindo de morrer, tem uma piscina muito maior, tem mais uma estrela, podia passar dias e dias ali fechada sem gastar mais um tostão, ninguém se aborrecia naquele titanic em terra, quando o que se quer é fugir dos sítios para onde vão os bêbedos. e depois vem o hotel S,


um hotel ali entre o bom e o mau, um bocado a puxar para o ranhoso, com uma piscina exterior até bem jeitosa (a interior mais parece um clube de natação), mas uns quartos a dar para o piroso e um jacuzzi no meio de ervas daninhas. resumindo e concluindo: o hotel X é muito melhor que o hotel S, e, vejam só, fica mais barato. a dúvida permaneceu extensa por algum tempo. muito, nem queiram saber. o que mais tarde percebi, é que mais de metade das pessoas com quem me dou, que mais gosto, com as quais quero partilhar os momentos da maravilhosa viagem, decidiram que querem ir para o hotel S. assim se toma uma decisão, abdicando dos luxos, pela amizade, pelo amor. e eu que adorava passar uma semana num titanic fora do mar.

2 comentários:

Cátia Mourisca disse...

eu gosto dos 2, mas o 1º *.* ui ui

filipa alves disse...

no meu externato tmbm aconteceu o mesmo, queria mos mudar o destino pra nao ser igual aos outros, para onde vais?