segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

verdades a negrito

Sinto falta de alguém agora.
Amo dormir.

Já vi um filme porno.
Acredito que a honestidade é a melhor política.
Mudei muito mentalmente desde o ano passado.

Sou muito, muito inteligente. 
Nunca parti um osso do corpo.
Tenho um segredo que tenho vergonha de revelar.
Amo a chuva.  
Queria ter um irmão

Menti a um bom amigo nos últimos seis meses.
Normalmente sou pessimista.
Tenho oscilações de humor.

Acho que a prostituição deve ser legalizada. 
Sou bipolar.
Talvez tenha um talento escondido.
Gosto de falar ao telefone.
Praticamente vivo de camisas e calças de ganga.
Sofro por antecipação.
Tenho um telemóvel.

Actualmente tenho um fraquinho por alguém. 
Sou muito tímido perto do sexo oposto.
Vejo o DisneyChannel.
Tive uma queda por alguém que nunca conheci. 

Beijei alguém que sabia que não devia.
Não toco um instrumento musical.
Caio mais rapidamente em “desejo” do que “amor”.
Sou uma pessoa totalmente diferente em torno de pessoas diferentes.
Uma vez roubei um chocolate no supermercado.
Não tenho a capacidade de tomar decisões sem mudar a minha forma de pensar.
Sou mais analítica sobre as pessoas que conheço.
Acredito na perda de tempo.
O meu feriado favorito não é o Natal. 

Não sei o que faria sem os meus amigos.
Estou com fome. 
Tenho um problema em expressar as coisas.

Sou a pessoa mais necessitada que conheço à face do planeta.
Só vejo televisão quando está alguém no computador.
Sou um pouco louco. 

Gosto do cheiro de Tic Tacs laranja. 
Apaixono-me com alguma facilidade. 
Adoro cheirar cola.
Sou muito egoísta.
Sou emo, às vezes.
Já copiei num teste.
Estou farto de drama.

Acho que a raça humana está mal e deve ser demolida.
Preciso de um emprego digno.
Não importa onde estou ou com quem estou, pareço sempre um solitário.
O meu coração reside abaixo dos meus pés.
Já fingi que estava a estudar.

Não sou burro.
Já me quis matar.
Já tive vontade de mandar alguém para.. (já mandei)

Amo ficar apaixonado, mesmo que não seja correspondido.  
Tenho nojo de baratas.
Já pensei em fugir de casa.

Os meus conselhos são os piores possíveis.
Não tenho nenhuma ideia do que quero fazer o resto da minha vida.

Não quero ter filhos no futuro.
Já fiz um teste sem estudar.

Já fingi estar doente para não ir às aulas. 
Tenho medo de ficar sozinha/o no escuro.
Preciso de sentir que gostam de mim.
Sou paranóico.
Preciso de dinheiro agora.
Amo os meus melhores amigos.

A minha cor favorita é o vermelho.
Estou sempre a mandar mensagens.
Gostava que tentassem conhecer-me antes de me julgarem.

Estou apaixonado e não sou correspondido.
Normalmente finjo não ter medo quando tenho.
Já menti e tentei safar-me mentindo mais.

Já amei de verdade.
Já traí.
Já fui traído.
Eu amo alguém de verdade.

As vezes aproveito-me das pessoas.
Adoro o sol.
Sou capaz de tudo quando gosto.

Odeio o verão.
Gosto quando me dão beijinhos.
Odeio que me façam festinhas.
Não consigo sair a rua sem maquilhagem.
Já julguei alguém pelo exterior.
Já gozei com alguém que na altura achei inferior a mim.
Já fui influenciável.
Já olhei nos olhos de alguém e vi amor.
Já abraçei alguém que não gostava realmente.
Sou feliz.

Penso muito no passado.

Eu menti sobre um dos itens dessa lista.

2 comentários:

Amêndoa disse...

pois é. obriiigada :DD

Danii disse...

Oh, era tão bom! adorava :) obrigada pela ajuda *