sábado, 26 de março de 2011

cada vez mais


me sinto a crescer, por saber do que gosto - e no que eu gosto, incluem-se manhãs de cama perdidas a ver histórias da Disney (tão bem) adaptadas e representadas no gelo. porque crescer não é, necessariamente, deitar fora o que antes tanto adorámos: mas sim ter a coragem suficiente de continuar a gostar de tais coisas - que são o que, em parte, nos define.

4 comentários:

-astrid disse...

Gostei muito deste posts! Eu adoro os filmes da disney, aliás, filmes de animação no geral, e não tenho problema nenhum em admiti-lo xP
Podemos crescer, amadurecer, mas há certas coisas que nunca mudam (: E ainda bem que é assim!

mariana f. disse...

concordo, é importante manter o q nos define (:

Mariana disse...

eu adorava ter ido ver o espectáculo! fui ver um do mesmo género há muitos anos e amei!

trintona disse...

Eu fui pela 1ª à Eurodisney tinha 23 ou 24 anos. E senti-me uma criança. Aliás, só não tirei fotos com as personagens porque tava montes de crianças à minha frente, e apesar de eu ser uma "chavala" elas tinham prioridade.
Só muito fã do universo Disney!