quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

o porquê das coisas #3

508e1d652d8e7ed2746e4aa32b2e6b07_large
já entendi porque é que me acho tão infeliz. acontece que eu pensava que a minha vida tinha de ser perfeita e que, desse por onde desse, tinha de estar sempre tudo bem em todos os domínios. enganei-me. tão redondamente que nem reparava (não fossem as minhas últimas divagações) que tudo pode estar como está, mal e com os problemas cheios de lenha por onde arder, que ainda posso ser feliz. sempre, sem ter de ser perfeita.

6 comentários:

Lady C disse...

O problema é mesmo esse, queremos sempre ser perfeitas...

mari disse...

amei as tuas palavras ... aceitar e fazer o melhor que se pode, sempre! ;)
**

'Mimi disse...

O mais dificil é aceitar isso mesmo ;)

Danii disse...

Sinto exactamente o mesmo! Por muito que nos sintamos infelizes não podemos fazer nada, a não ser contentarmo-nos com o que temos :)

Green disse...

A perfeição não existe, ou pelo menos não é totalmente alcançável, por isso é que temos de lutar e dar o nosso melhor, e isso será sempre suficiente para sermos felizes.

Rafaela disse...

sábias palavras :)