segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

as ruas estão cheias de espelhos

F374660dc9f56b16512b5856045bd599c0867f02_m_large
hoje, enquanto ia no autocarro, reparei numa mulher a ver-se ao espelho nos vidros, como se ninguém visse o que estava a fazer. ou se calhar, nem se importava que reparassem que usava aquele grande vidro ambulante, cheio de pessoas lá dentro, como um lugar para ver só mais uma vez se o dito cabelo estava no sítio, ou se o rímel não estava mal posto. de qualquer das maneiras, preocupando-me ou não, deu para reparar na figura de parva que faço quando me vejo ao espelho em vidros da rua - especialmente aqueles em que sei que existe alguém do outro lado.

12 comentários:

Danii disse...

É tão parvo, imagino as pessoas do outro lado a rir x)
No Believe It ot Not em Londres, fiquei eu do outro lado e as pessoas passavam por lá e dizia lá para fazerem qualquer coisa com a língua (acho), e nós do outro lado a filmar, foi de morrer a rir :p

Sofia Rocha disse...

quem nunca fez estas figurinhas ... :D

Lady C disse...

Eu passo a vida a olhar para todo o sítio onde o meu reflexo aparece, mas tento sempre conter-me, quando sei que há pessoas do outro lado, só para não fazer figurinha de parva :p

THINK IN PINK disse...

O local onde eu costumo almoçar tem um vidro daqueles que se vê por dentro mas quem está de fora não se apercebe! Então, quase diariamente, passam lá uns miúdos adolescentes que até tiram uma escova da mochila para acertar o penteado, acho um máximo (;

Danii disse...

Ahah, isso é muito bom :p

Matilde disse...

Eu ainda não comprei, e acho que não o vou fazer, com muita pena minha... E possivelmente gastando mais dinheiro :s

O ver-me ao espelho no meio da rua acontece-me tantas vezes! Tento ter cuidado nos sítios em que escolho e ser o máximo possível discreta. Mas ás vezes ... :p

Tânia Gil disse...

Nem imaginas as vezes em que vou a andar pela rua e paro para ver o meu reflexo nos vidros dos carros, é que por muito parvinho que seja, o meu cabelo assim o obriga *

Lady C disse...

Adoro que as pessoas se lembrem de mim por causa disso :p

Abby Richter disse...

Preciso de uma ajuda tua :) em que locais posso encontrar agendas bonitas (por isto digo, com padrões personalizados) e acessíveis?

Lady C disse...

Provavelmente estou a fazer mais dramas de que o necessário, mas as coisas chegaram a um ponto que eu nunca achei que fosse possível eu chegar (e isto não é necessariamente bom). Porque sofre por mim, muito mais do que aquilo que posso sofrer pelos outros. Porque não me reconheço e quero voltar ao meu "eu".

Green disse...

Deixa lá que não és a única.

Lady C disse...

Sim, é mesmo o que tenho que fazer. Não posso continuar perdida... Obrigada pelos conselhos :)