terça-feira, 13 de março de 2012

sempre a aprender

S.: Pois, claro que sou sempre eu a dizer alguma coisa, não tenho culpa de não ser uma pedra.
A.: Não é questão de se ser uma pedra, é questão de se ter amor próprio.
S.: E eu tenho, mas também tenho pelos outros.
A.: E podes continuar a ter. Ou achas que ter amor pelos outro é falar com eles e tentar mudá-los? Amor pelos outros é ter carinho pelas coisas que já passaram juntos. Se aquilo que tu dizes deixa de fazer diferença, segue a tua vida quando já tentaste mil vezes. Isso não tem nada a ver com o amor que tens pelos outros, mas sim por ti.

e vindo de uma pessoa que cada vez me surpreende mais.

5 comentários:

Green disse...

Nestas situações é sempre muito complicado.

Inês disse...

Nem sabes o bem que me fez ler isto.. Abriu-me um pouco os olhos..

Inês disse...

A sério? E será que ainda há? Tenho que ir ver isso logo que volte a Lisboa. Cá por estas terras não existe Primark :(

Lady C disse...

Eu não desgosto de como estou agora, mas por vezes gostava de ter a coragem que aquela pessoa teve, outras vezes não sei... Quero fazer o meu caminho, sendo feliz e por enquanto é assim que estou :)

[mas fez-me muita confusão ver tal pessoa e pensar que ela não sabe que hoje em dia eu sou o que ela já foi...]

Danii disse...

e que tem toda a razão :)