segunda-feira, 12 de março de 2012

to change

se há coisa que eu odeio, é ser obrigada a fazer o que não quero. que me mandem ser isto ou aquilo, que pensem que têm controlo sobre a pessoa que escolhi ser - porque ninguém tem, a não ser eu. e até posso saber que estou errada, e ter consciência de que preciso de mudar, mas enquanto alguém achar que estou a mudar porque fui chamada à atenção, não mudo. só altero alguma coisa, só troco as voltas ao meu relógio e à minha vida, quando realmente quero e quando sei que o faço por mim. porque para além de ser assim que tem de acontecer, é muito mais verdadeiro quando a mudança se dá única e exclusivamente por minha vontade. isto tudo, claro, admitindo que, depois de muita luta interior, eu já aceitei que tenho de mudar. porque quando não aceito que alguma coisa esteja mal, preciso de perceber se, realmente, há alguém por quem valha a pena redefinir o que sou, passar pelo ciclo da mudança, e contrariar-me. existem poucas pessoas, muito poucas, que o conseguem fazer - e mesmo assim, é à velocidade que eu entendo, quando já ninguém percebe que fiz aquilo influenciada.

6 comentários:

A. Richter disse...

muito bem escrito! e é assim que deve ser :)

Danii disse...

está bem, quando souber digo :D
Isso é tudo o que eu odeio também! e tenho sempre alguém (cá em casa claro) que me faz ser uma pessoa que não sou nem quero ser :c

Vera, a Loira disse...

Chama-se personalidade.

Green disse...

Eu sou um bocado como tu, mas por vezes arrependo-me, quando a mudança é tarde demais.

Rita disse...

Ninguém tem nada de dizer sobre o que somos ou deixamos de ser e consequentemente do que fazemos.

Carol* disse...

Quando realmente se gosta, gostamos por aquilo que as pessoas são e não por um projeto nosso.
Isso só demonstra que tens amor próprio! :)

Sou nova seguidora* :)

Se quiseres podes visitar-me em http://paletadefantasias.blogspot.com/ e conhecer um pouco do meu pequeno mundo. Ainda é pequenino mas é alimentado com muito amor**
Se gostares, também podes seguir.

Beijinhos grandes
http://paletadefantasias.blogspot.com/