quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

de tanta coisa acumulada

Tumblr_lmxs74t3551qes9kso1_500_large
nesta cabeça (e coração), que ainda não parou de estudar um segundo esta semana, das discussões com mil pessoas (de tão irritante que estava), dos milhares de cafés e bebidas energéticas ao longo dos dias, da pouca comida que caiu neste estômago (lá me valeu o chocolate, mas foi-se a minha testa sem imperfeições), dos comentários de quem me dá cabo dos nervos, das saudades dos tempos em que tudo era fácil, de ter a minha avó numa cama de hospital (isto, e saber que não posso correr para o pé dela, dá-me ainda mais cabo do sistema nervoso) e estar à espera desta sexta-feira há mais de duas semanas só podia acabar numa crise de choro de duas horas, em plena mesa de jantar, sem parar sequer para respirar. soube-me pela vida, mas não resolveu a mais pequena coisa.

4 comentários:

Lady C disse...

O teu comentário ao meu post serve de meu comentário ao teu post! E sim o pior já passou e as coisas vistas antes de acontecerem parecem impossíveis, durante vão-se fazendo e tempos depois relativizam-se e pensamos que nao custou assim tanto. Quanto a nao nos encontrarmos pode ser que no próximo semestre haja na mesma um dia compatível :) beijinhos e obrigada.

mari disse...

hug sweetie**

Danii disse...

Também sou assim, depois de vários dias exaustivos, que nos fazem entrar em parafuso e dar umas mil voltas com a cabeça, vem o choro do nada, que nos faz muito bem (limpa-nos a alma) mas que não resolvem nenhum dos nossos problemas!
Mas agora com as férias, tudo melhora :)

Green disse...

Infelizmente as coisas nem sempre correm como nós gostaríamos, mas temos de ser fortes para conseguirmos passar por elas. Um beijinho grande cheio de força.