quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

little things #56

existem pessoas que não entendem o quanto eu gosto de vir aqui, tanto escrever como ler, ficar inspirada e deitar tudo cá para fora. é que antes, isto era apenas um lugar onde depositava as minhas palavras literárias, os meus textos cheios de frases e vocabulários magicamente combinados, os meus pensamentos mais profundos, mas apenas quando sabia que valia mesmo a pena - quando não faltava nem uma vírgula às poesias que partilhava com este mundo. mas o tempo passou, e fui ficando, fui criando alicerces, ao mesmo tempo que mudava a minha opinião acerca destes lugares aos quais todos os dias viajo. comecei a partilhar mais. a ler muito e a reter muitas das palavras que me chegavam por este ecrã. a dar ainda mais de mim, muito para além das grandes coisas que se desenrolavam na minha vida. aprendi que beber um chá de camomila pode ser motivo para escrever um texto, que o dia é muito mais bonito quando começa com um pequeno-almoço digno de uma fotografia. percebi que ler um livro é muito mais mágico agora, que ter blocos a mais não é necessariamente mau e que as pequenas coisas se devem dar a conhecer, partilhar, mostrar, agradecer. e mesmo que aqui não fique para todo o sempre, mesmo que um dia o meu caminho me mostre que há outros remetentes para escrever as minhas cartas, aprendi muita coisa - quer com os outros, quer comigo. aprendi a transformar um dia de sombra numa lufada de ar fresco, a organizar cada bocadinho da minha vida (e gostei do resultado, de toda o gozo que me dá fazer as tarefas mais simples) e, principalmente, a transformar as sementes em flores - o que é pequeno numa grande coisa, portanto.

6 comentários:

Palco do tempo disse...

gostei do que li [como sempre]

beijinho

THINK IN PINK disse...

tal como a ti, este mundo tem me vindo a surpreender, e sempre muito pela positiva! Sinto que tenho um outro círculo de amigos, os da blogosfera, com que partilho as minhas ideias, os meus pensamentos, os meus desejos, as minhas revoltas, as lágrimas e os sorrisos, enfim .. a minha vida!

Danii disse...

Está bem fofinha, se encontrares mandas-me, senão, tiras outra mas quando encontrares essa mandas-me também :p
Adorei! Espero continuar, por muitos e bons anos, a ler bocadinhos de ti, dos teus momentos :) beijinho

Lady C disse...

Também achei isso quando li aquela frase. Em todos os aspectos, acho, cada vez mais que sou eu.

Fernando Gonçalves disse...

Olá, parabéns pelo seu blog.
Te convido a conhecer o meu,
http://carmasepalavras.blogspot.com/

;)

Inês disse...

Adorei :) e agora pensa: daqui a uns (largos) anos, vou deliciar-me a rever o meu dia-a-dia, as minhas maneiras de pensar e vou rir com tudo o que escrevi neste pedaço tão meu, ao ver como cresci.
É ou não é? ;)